Cidade Falecimentos Super Destaques

Sete Lagoas dá adeus a Monsenhor Ercílio, da Igreja de São Cristóvão

Faleceu neste sábado sábado, 21, em sua residência Monsenhor Ercílio Arcanjo da Silva, 91 anos, da paróquia de São Cristóvão, em Sete Lagoas

Mesmo sendo Monsenhor, era carinhosamente chamado de Padre Ercílio, muito querido e respeitado por todos,  principalmente pela  sua postura, respeito  e seriedade.

O velório foi realizado de forma restrita devido às exigências das autoridades sanitárias relativas à Covid-19. A Missa de Exéquias foi transmitida pelo Facebook da Paróquia São Cristóvão (facebook.com/paroquiasaocristovaosl), às 15h. Logo em seguida, houve o cortejo para o Cemitério Santa Luzia (Sete Lagoas), onde o corpo foi enterrado.

Um pouco da sua história

Natural de Carandaí, Monsenhor Ercílio Arcanjo da Silva nasceu dia 17 de junho de 1929. Era o sexto filho da família de Miguel Arcanjo da Silva e da Sra. Carmem da Silva Caldas, e foi também o caçula dos irmãos: José Arcanjo, Irmã Leopoldina, Maria do Carmo, Irmã Guilhermina e Mário Arcanjo. Aos cinco meses de idade, mudou-se com sua família para Sete Lagoas e aos sete anos, foi estudar na Escola Estadual Doutor Arthur Bernardes.

Ercílio aprendeu desde muito cedo com sua mãe as lições da Escritura Sagrada e frequentou o catecismo na Catedral de Santo Antônio. Lá, fez sua primeira comunhão e foi coroinha de Monsenhor D’Amato.

Em fevereiro de 1933, aos 14 anos, Monsenhor D’Amato conversou com seus pais e posteriormente o encaminharam para iniciar os estudos no Seminário Coração Eucarístico de Jesus, em Belo Horizonte.

Ao concluir a etapa do seminário, foi ordenado presbítero em dia 8 de dezembro de 1955 pelo então Arcebispo de Belo Horizonte, Dom Antônio dos Santos Cabral. Sob a proteção da Virgem Maria, ouviu confiante as palavras de Dom Cabral: “De hoje em diante serás sacerdote para sempre’”.

A sua ordenação coincidiu com a criação da Diocese de Sete Lagoas. Dom José de Almeida Batista Pereira, primeiro bispo diocesano, o colocou como seu secretário e, em 1961, o nomeou Diretor do Colégio Dom Silvério, onde permaneceu como eficiente administrador até o ano de 1971. Enquanto isso, também ministrava aulas de francês, não só no colégio que dirigia, mas também na Escola Estadual Professor João Fernandino Junior.

Há 37 anos, Monsenhor D’Amato e Monsenhor Antônio Lino (na época Bispo de Itumbiara, GO) iniciaram um trabalho de preparação para a fundação da futura Paróquia São Cristóvão em Sete Lagoas. O então bispo diocesano, Dom Daniel Tavares Baeta Neves, oficializou a criação da paróquia e, no dia 5 de agosto de 1973, deu ao Padre Ercílio, posse como vigário da mesma. Ele também acumulava as funções de Vigário-Geral da Diocese.

Em 1977, Dom Daniel, em merecimento a sua dedicação à igreja, requereu para ele, de Sua Santidade o Papa Paulo VI, o título de “Monsenhor”.

A Igreja Particular de Sete Lagoas reconhece os frutos do incansável trabalho evangelizador de Monsenhor Ercílio em várias funções a ele designadas. Seja através de vários padres e os seminaristas que saíram da sua paróquia, seja pelo despertar e crescimento de outras comunidades, tais como: Capela Nossa Senhora Aparecida, no Eldorado; Capela São Sebastião, no Morro Redondo; Capela Sagrado Coração de Jesus; do Bairro Universitário e Igreja Santa Rosa de Lima, no Bairro Santa Rosa.

A sua ação espiritual se fez presente em todos os movimentos paroquiais tais como: Legião de Maria, Hora de Guarda, Apostolado da Oração, Focolares, Pastoral Litúrgica, da Crisma, do Batismo, da Criança, Catequese, Grupo de Oração, Grupo de Jovens e Adolescentes, O.V.S.(Obra das Vocações Sacerdotais), coroinhas, vicentinos, ministros da Eucaristia.

Faleceu na manhã do dia 21 de novembro de 2020, na Paróquia São Cristóvão, onde exerceu grande parte do seu ministério. Acometido nos últimos anos de vida por uma doença degenerativa (Alzheimer), foi cuidado com muito carinho pelos padres que por aquela paróquia passaram, e,  por último, pelo atual pároco, Monsenhor Carlos Roberto, além de amigos próximos, familiares e cuidadores.

Era um sacerdote dotado de muitas virtudes, profundamente eucarístico, deixa para nossa Igreja um grande exemplo de humildade e de doação total ao Reino de Deus.

 

Redação  com Ascom Diocesana

 

 

Eldorado1300

AGENDA

dezembro 2020
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado