Destaques Saúde

Coronavírus: com 61 casos registrados por hora, Minas chega a 228 mil infectados

REUTERS / Lindsey Wasson

Balanço da SES-MG indica que 3.026 casos foram confirmados nas últimas 24 horas, o que equivale a uma média de 61 novos diagnósticos por hora

A publicação diária do levantamento estatístico da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) em relação à pandemia de coronavírus em Minas Gerais destaca a manutenção do número de casos em um patamar elevado – principalmente se considerado que há um mês pelo menos mil novos casos são acrescidos diariamente à lista de infectados.

Apenas entre quinta (3) e a manhã desta sexta-feira (4), 3.026 diagnósticos somaram-se à estatística – cerca de 61 novos a cada hora transcorrida neste período. O acumulado é ainda maior, uma vez que apenas entre março, quando o primeiro mineiro testou positivo para Covid-19, e setembro, cerca de 228 mil mineiros acabaram infectados pelo vírus.

Quanto às mortes, os dados diários oscilam e não mantém uma constante próxima. Entretanto, apenas nas últimas 24 horas, 117 óbitos receberam confirmação pelo órgão estadual. Até hoje, 5.708 mineiros morreram em decorrência de complicações provocadas pelo contato com o coronavírus. A doença é principalmente fatal entre aqueles com idades superiores a 60 anos e que apresentam comorbidades anteriores como cardiopatias e diabetes. Estatística da pasta indica que a média de idade dos mineiros que morreram com a enfermidade é 70 anos.

Belo Horizonte é a cidade com a maior quantidade de mortes pela doença. Até esta sexta, 1.051 moradores da capital mineira vieram a óbito após serem infectados. Além disso, a cidade também tem a maior concentração de residentes infectados – 33.479 testaram positivo em BH. Logo atrás neste indicador aparece Uberlândia no Triângulo Mineiro, onde mais de 20 mil moradores foram diagnosticados com a Covid-19 e 421 mortes ocorreram.

Cidades importantes em outras regiões do estado também apresentam elevados índices de contaminação entre a população. Entre elas estão Ipatinga no Vale do Aço, município com 7.461 moradores infectados, e Teófilo Otoni no Vale do Mucuri que concentra 2.060 residentes que testaram positivo para a doença.

Até esta sexta-feira (4), 839 municípios mineiros haviam relatado à Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) possuírem moradores com Covid-19 ou óbitos causados pela doença. O número demonstra a expansão da pandemia para regiões mais interioranas de Minas Gerais, uma vez que 98,3% dos municípios aqui existentes já concentram casos do novo coronavírus. Apenas 14 cidades das 853 do estado ainda não têm registros ligados à pandemia.

 

 

O Tempo

Redação Redação

Redação Redação

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

setembro 2021
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado