Destaques Saúde

Com mais de 100 mil casos de coronavírus, Minas Gerais chega a 2.315 mortes

Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) registrou 77 óbitos e 4.244 novos casos de infecção pelo coronavírus apenas nas últimas 24 horas em Minas Gerais

Cerca de quatro mil novos diagnósticos de coronavírus entraram para o balanço da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) apenas entre quinta-feira (23) e a manhã desta sexta-feira (24). Agora, um dia após atingir a marca de cem mil casos de Covid-19, Minas Gerais passou a concentrar 106.812 infectados com a doença. O número de mortes segundo o relatório do órgão também permanece em ascensão e 77 óbitos causados pelo coronavírus entraram para a lista de mortes só nas últimas 24 horas.

A quantidade é próximo à do recorde de óbitos confirmados pela SES-MG no curto período de um dia para o outro, 95 mortes entre terça (21) e quarta-feira (22). Até esta sexta, 2.315 mineiros e moradores do Estado morreram após serem infectados. De acordo com a pasta, outros 123 óbitos estão sob análise neste momento pela Secretaria e podem entrar para o relatório nos próximos dias.

A doença acomete de forma fatal principalmente aqueles com idades superiores a 60 anos e os portadores de comorbidades anteriores como doenças cardiovasculares, hipertensão e diabetes. Estatística da SES indica que 69 anos é a média de idade dos óbitos confirmados, sendo que 76% daqueles que não resistiram à infecção tinham 60 anos ou mais. O índice de letalidade em Minas Gerais é de 2,1% e as mortes aconteceram em 362 municípios mineiros.

Outro dado que preocupa é o número de hospitalizações entre as pessoas que foram diagnosticadas com a Covid-19. O relatório aponta que 11.999 mineiros precisaram de internação hospitalar nas redes pública e particular do Estado após contraírem a doença. Os restantes seguiram apenas para isolamento domiciliar.

Um outro alerta refere-se à quantidade de hospitalizações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) – caracterizada por um quadro sintomático muito semelhante do da infecção por Covid-19. Comparados os meses de janeiro a julho do ano passado com o mesmo período deste ano, chegou-se à conclusão que houve um aumento de 1.111% na demanda por internações de pacientes com SRAG.

Em pouco mais de quatro meses, a pandemia de coronavírus se alastrou por 92% dos municípios mineiros. Significa que apenas 66 das 853 cidades existentes em Minas Gerais ainda não têm casos de Covid-19 ou óbitos provocados pela doença. Ainda nessa quinta-feira (23), a SES confirmou que até o menor município do Brasil, Serra da Saudade na região Centro-Oeste, detectou seu primeiro diagnóstico confirmado.

Belo Horizonte é a cidade com o maior número de infectados, são 15.668 até o momento, sendo que 432 moradores da capital morreram em função do coronavírus. Logo atrás com o segundo maior número de casos aparece Uberlândia, no Triângulo Mineiro, que concentra 11.353 diagnósticos positivos e 183 óbitos.

 

O Tempo

Eldorado1300

AGENDA

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado