Destaques

Santana do Riacho dá um passo atrás na questão da flexibilização social na Serra do Cipó

Reprodução/Ilustrativa

Com a medida, a Lapinha da Serra e os demais comércios da região, que não foram contemplados nas fases anteriores, seguem fechados

A Lapinha da Serra, que é um dos pontos mais turísticos da Serra do Cipós, vai permanecer fechada. Isso porque a terceira e a quarta fase de reabertura de hospedagens, comércios e serviços municipais de Santa do Riacho, cidade que faz parte da Serra do Cipó, previstas para o dia 25 de junho e oito de julho, foram suspensas.

A decisão está prevista no decreto 045/PMSR/2020, publicado na manhã desta quarta pela prefeitura de Santana do Riacho. A informação foi divulgada pelo Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus da prefeitura por meio de grupos de WhatsApp da comunidade.

Os comércios essenciais e alguns segmentos, que foram autorizados a abrir as portas nas duas fases anteriores da flexibilização do isolamento social, vão poder continuar funcionando.

Motivação 

Entre os motivos para o recuo na flexibilização, segundo consta no documento, está o fato de Belo Horizonte e Lagoa Santa apresentarem capacidade de lotação de leitos acima de 80%.

O aumento de casos confirmados na região também foi levado em consideração, já que Santana do Riacho conta hoje com 22 casos confirmados e 248 pessoas com diagnósticos suspeitos estão sendo monitoradas.

A orientação do governo estadual para interrupção de reaberturas de comércios e serviços na macrorregião Central de Minas, da qual Santana do Riacho faz parte, também foi um dos fatores que levou o município a dar um passo atrás na questão da flexibilização.

1ª Onda
– Cartórios;
– Clinicas oftalmológicas, dentárias e veterinárias (atendimentos de urgência/emergência);
– Floriculturas;
– Imobiliárias;
– Lavanderias;
– Lojas de artesanato;
– Lojas de artigos para casas e utilidades, tecidos e aviamentos;
– Lojas de assistência para celular;
– Lojas de móveis;
– Lojas de vestuário, acessórios e calçados;
– Óticas;
– Papelarias

2ª Onda
– Academias, estúdios de pilates e yoga;
– Agência de serviços da Cemig;
– Auto escolas;
– Bares, restaurantes e lanchonetes do distrito Serra do Cipó;
– Igrejas e tempos religiosos;
– Meios de hospedagem no distrito Serra do Cipó (exceto áreas de camping e
casas de aluguel sem CNPJ);
– Salões de beleza e barbeiros.

3ª Onda
– Áreas de camping no distrito Serra do Cipó;
– Atrativos turísticos no distrito Serra do Cipó;
– Bares, restaurantes e lanchonetes nas demais localidades do município;
– Meios de hospedagem nas demais localidades do município (exceto áreas de
camping e casas de aluguel sem CNPJ);
– Receptivos turísticos, guias de turismo, condutores locais e operadores de
atividades;
– Transportadoras turísticas.

4ª Onda
– Áreas de camping nas demais localidades
– Atrativos turísticos nas demais localidades do município;
– Feiras ao ar livre.

Itatiaia

Avatar

Gleidson Almeida

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

agosto 2020
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Gleidson Almeida

Avatar

SILVA JUNIOR

Silva Júnior

Silva Júnior

Silva Júnior - Jornalista, radialista, colunista e setorista do futebol sete-lagoano, assina ainda o programa Eldorado nos Esportes na Rádio Eldorado AM 1300

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado