Arnaldo Martins Colunistas

Olhe no espelho

Reprodução

Prometi para você leitor (a) que não usaria o espaço “Conversa Afiada” para falar do momento crítico que todos nós estamos vivendo.

Situação idêntica certamente a grande maioria da população jamais viveu.

Não usarei o tema, mesmo porque, desespero, dor, medo, perdas, e até fraudes existem diante dos fatos que envolvem vidas.

Não é esse o meu propósito.

Estamos vivendo forçadamente o maior tempo de isolamento denominado “social” nesse período, e isso é um fato.

Mas não implica que devemos ficar “emburrado (a), irritado (a), nervoso (a)” mal humorado (a).

Lembre-se: “Talvez você não tenha a vida que sonhou, mas é bem provável que você tenha a vida que muita gente sonha”.

Portanto, seja grato (a) pelo que você tem.

E quando alguém te disser que você é lindo (a) sorria, olhe no espelho.

Você sabia que você tem uma beleza que, talvez você mesmo (a) não tinha observado (a)?

Não apenas por vaidade, mas, veja no espelho o quanto você é lindo (a).

Sabia que a beleza do seu rosto vai inspirar outras pessoas que você encontrar?

Eu me sinto bonito (a) quando estou diante de você.

Sabia?

Acompanhe a história abaixo:

Tempos atrás em um distante e pequeno vilarejo, havia um lugar conhecido como a casa dos 1000 espelhos.

Um pequeno e feliz cãozinho soube deste lugar e decidiu visitar.

Lá chegando, saltitou feliz escada acima até a entrada da casa.

Olhou através da porta de entrada com suas orelhinhas bem levantadas e a cauda balançando tão rapidamente quanto podia.

Para sua grande surpresa, deparou-se com outros 1000 pequenos e felizes cãezinhos, todos com suas caudas balançando tão rapidamente quanto à dele.

Abriu um enorme sorriso, e foi correspondido com 1000 enormes sorrisos.

Quando saiu da casa, pensou: ”Que lugar maravilhoso, voltarei sempre, um montão de vezes”.

Neste mesmo vilarejo, outro pequeno cãozinho, que não era tão feliz quanto o primeiro, decidiu visitar a casa.

Escalou lentamente as escadas e olhou através da porta.

Quando viu 1000 olhares hostis de cães que lhe olhavam fixamente, rosnou e mostrou os dentes e ficou horrorizado ao ver 1000 cães rosnando e mostrando os dentes para ele.

Quando saiu, ele pensou: “Que lugar horrível, nunca mais voltarei aqui”.

Moral da história:

Todos os rostos no mundo são espelhos.

Que tipo de reflexos você vê nos rostos das pessoas que você encontra?

 Colaborador-Academia

Até a semana que vem se Deus quiser, e Ele há de querer.

Por Arnaldo Martins

Cebolinha

 

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

setembro 2020
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

SILVA JUNIOR

Silva Júnior

Silva Júnior

Silva Júnior - Jornalista, radialista, colunista e setorista do futebol sete-lagoano, assina ainda o programa Eldorado nos Esportes na Rádio Eldorado AM 1300

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado