Saúde Super Destaques

Sorotipo 2 da dengue pode causar surto em 11 estados do país a partir de março

As autoridades de saúde estão preocupadas com um possível surto de dengue nos estados do Nordeste, Rio de Janeiro e Espírito Santo

As autoridades de saúde estão preocupadas com um possível surto de dengue nos estados do Nordeste, Rio de Janeiro e Espírito Santo, previsto para março. De acordo com o Ministério da Saúde, o motivo é a circulação do sorotipo 2 da doença, contra o qual a população desses estados está pouco protegida.

O vírus da dengue tem quatro subtipos: sorotipos 1, 2, 3 e 4. Segundo especialistas, os sintomas, a forma de transmissão e o diagnóstico da doença são iguais para todos os tipos. No entanto, afirmam que alguém infectado por um subtipo só fica imune contra o mesmo subtipo. Assim, é possível que uma pessoa tenha dengue até quatro vezes durante a vida.

O médico da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Cláudio Maierovitch, explica que o subtipo 2 do vírus da dengue voltou a circular com força, no Brasil, desde o ano passado, sobretudo em Goiás, São Paulo e Minas Gerais. Juntos, os três estados registraram quase 70% dos casos da doença em todo o país, em 2019. Segundo o especialista, há relação direta entre a circulação do subtipo e a epidemia nesses e em outros estados.

Agora, a preocupação das autoridades se estende aos nove estados do Nordeste, e nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. Para Maierovitch, isso se deve a dois fatores combinados: primeiro, porque essas localidades têm um histórico de epidemias e, segundo, porque no ano passado, não foram tão afetadas pelo sorotipo 2 como outros estados.

“No ano passado, os estados da região Nordeste, alguns outros estados, como Espírito Santo e Rio de Janeiro não foram afetados tão fortemente pela epidemia que foi, predominantemente, do vírus 2. Significa que há muita gente que não têm defesas contra o vírus 2, é considerada suscetível. Iniciando-se uma epidemia nesses estados, há uma chance grande de ser uma epidemia que se amplifica muito rapidamente. Se as condições climáticas foram favoráveis, com chuva abundante intercalada por períodos quentes, nós, provavelmente, teremos muitos casos nesses estados.”

Maierovitch reforça, ainda, que os estados onde houve epidemia de dengue do sorotipo 2 no ano passado não devem se descuidar, pois continuam sujeitos à grande incidência da doença.

O Ministério da Saúde notificou 181 mil casos prováveis de dengue em todo o Brasil, entre 29 de dezembro e 15 de fevereiro deste ano. Até agora, o governo confirmou 32 mortes pela doença.

E você? Já combateu o mosquito hoje? A mudança começa dentro de casa. Proteja a sua família. Para mais informações, acesse saude.gov.br/combateaedes.

content_COMBATE_LARVA_-_ITALO_NOVAIS

.agenciadoradio.com.br/n

Eldorado1300

AGENDA

agosto 2020
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Linda Martins

Linda Martins

SILVA JUNIOR

Silva Júnior

Silva Júnior

Silva Júnior - Jornalista, radialista, colunista e setorista do futebol sete-lagoano, assina ainda o programa Eldorado nos Esportes na Rádio Eldorado AM 1300

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado