Saúde Super Destaques

Ministério da saúde confirma 73 casos de coronavírus no Brasil

(foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

Ministro Luiz Henrique Mandetta atualizou os números da epidemia e criticou a demora da OMS em classificar a transmissão do vírus como pandemia

O Brasil tem 73 casos confirmados do novo coronavírus, além de 907 suspeitos. A informação é do Ministério da Saúde, divulgada por meio de entrevista coletiva nesta quinta-feira (12).

Dois dos novos registros foram confirmados em Pernambuco. Trata-se de um casal de idosos, moradores do bairro de Boa Viagem, no Recife, e que voltaram recentemente de uma viagem prolongada de férias na Itália. A mulher tem 66 anos e o homem, 71. Ambos estão internados em um hospital particular do Recife.

A idosa está em isolamento, em quarto convencional. Já o idoso, que é hipertenso, está na UTI do hospital. Segundo o infectologista Demertrius Montenegro, o casal está sob vigilância e evolui bem, em estado estável.

Também nesta quinta-feira (12), o Rio de Janeiro confirmou duas transmissões locais de coronavírus. O estado já contabiliza 15 pessoas infectadas.

Na conversa com os jornalistas, Mandetta criticou a Organização Mundial de Saúde (OMS) pela demora em classificar o surto global de coronavírus como pandemia. “Foi uma coisa chata. Eu estava há três semanas falando em pandemia, mas a OMS não tinha decretado. Havia uma dificuldade em considerar casos suspeitos em passageiros que estavam em aviões que vinham da Europa ou Ásia, mas não de países de risco”, comentou.

Alerta no Rio

Mandetta descartou fechar as fronteiras do país neste momento. De acordo com o chefe da pasta da Saúde, a medida prejudicaria a economia e suprimento de insumos. Ele demonstrou, no entanto, especial preocupação com a propagação da doença no Rio de Janeiro, especialmente na capital carioca.

“O Rio tem que se preparar. A gente sabe as fragilidades do Rio (…) Aqui você tem uma cidade muito estreita. Você tem o mar aqui, montanha aqui. A proximidade das pessoas (na capital carioca) é quase que constante o dia inteiro. Transporte público lotado, metrô funcionando, ônibus funcionando, cidade funcionando”, alertou.

O ministro está no Rio para atender compromissos oficiais e falou com a imprensa após se reunir com o prefeito Marcelo Crivella. Eles acompanham a chegada dos seis primeiros tomógrafos adquiridos pela prefeitura no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim (Galeão).

Minas tem um caso da doença segundo a Secretaria de Estado de Saúde de Minas. O paciente é de Divinópolis, Região Oeste do Estado.  O primeiro caso mineiro foi confirmado em 8 de março.

Pelo mundo

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o novo coronavírus já afeta 114 países de todo os continentes. Mais de 118,3 pessoas estão infectadas e 4,2 mil morreram.

Nesta quarta-feira (11), a OMS classificou o surto global como pandemia.”Os números de casos, de mortes e o número de países afetados deve ser ainda maior nos próximos dias e nas próximas semanas”, alertou o diretor-geral do órgão, Tedros Adhanom Ghebreyesus.

Ele destacou que a OMS está profundamente preocupada com os níveis alarmantes de propagação da doença, mas que a situação é reversível.

Segundo estudos citados pelo Ministério da Saúde, 90% dos casos do novo coronavírus são brandos, com sintomas leves, que não exigem internação. os infectados que demandam hospitalização costumam ficar internados por três semanas, o que gera grande impacto no sistema de saúde. Por causa disso, o governo informou que vai ampliar o número de leitos de UTI disponíveis.

Avatar

Gleidson Almeida

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

novembro 2020
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Gleidson Almeida

Avatar

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado