Esporte

Dono da oitava melhor média de público, Cruzeiro conta com apoio de sua torcida em última batalha pela permanência na Série A

Reprodução do site

Se na classificação do Campeonato Brasileiro o Cruzeiro briga para não cair à Série B, no ranking de público aparece em posição de respeito. Apesar da má campanha – 17º lugar, com 36 pontos, a média da Raposa, de 22.406 pagantes (27.858 presentes), é a oitava maior da competição.

Os boletins financeiros das partidas mostram que os cruzeirenses compareceram em maior número no returno do Brasileiro. Em nove jogos, a média é de 26.911 pagantes, superior à marca de 17.900 registrada no turno.

O recorde de público pagante do Cruzeiro na Série A foi no empate por 0 a 0 com o Atlético, no dia 10 de novembro: 37.844. Da renda bruta de R$ 1.150.094,00, o clube ficou com faturamento líquido de R$ 503.380,70.

Já na derrota por 2 a 1 para o Flamengo, dia 21 de setembro, pela 20ª rodada, foi contabilizada a maior arrecadação líquida: R$ 589.525,90. Naquela ocasião, o Mineirão recebeu 34.043 pagantes e 40.333 presentes.

Apesar de a torcida ter feito a parte dela nas arquibancadas, o Cruzeiro protagonizou vexames no Mineirão, como no empate por 0 a 0 com o lanterna Avaí, na 33ª rodada, e na derrota por 1 a 0 para o CSA, na 35ª. Também houve fracassos nos dois duelos como mandante no Independência: 2 a 1 para a Chapecoense, na sexta rodada, e 4 a 1 para o Grêmio, na 18ª.

No Brasileiro, o Cruzeiro é o terceiro pior mandante, com aproveitamento idêntico ao do CSA, de 42,59%. São cinco vitórias, oito empates e cinco derrotas, com 13 gols marcados e 15 sofridos. Como comparação, o Flamengo, campeão nacional, somou 92,98% dos pontos disputados no Maracanã: 17 vitórias e dois empates.

Ainda assim, os aficionados pelo Cruzeiro reúnem suas últimas esperanças em ver a equipe escapar do rebaixamento. Mais de 20 mil torcedores já garantiram ingresso para o jogo contra o Palmeiras, neste domingo, às 16h, no Mineirão. Além de vencer, o time celeste torce por derrota do Ceará (16º, com 38) para o Botafogo, no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. O técnico Adilson Batista fez um apelo ao público.

“Gostaria que fosse o cruzeirense mesmo que ama o clube. Esses oito milhões de torcedores que são apaixonados, que fossem ao Mineirão e procurassem dentro da razão transmitir toda energia, toda vibração, todo carinho que tem pelo clube. E ajudasse neste momento. Sei que está um pouquinho chateado, um pouquinho preocupado com muitas coisas que aconteceram ao longo da temporada”, disse o comandante.

“Eu que tenho um carinho muito grande pelo clube e também senti isso, só que é hora de você reunir aquelas pessoas que realmente amam o clube e tentar neste últimos 90 minutos dar o seu melhor. Entrar de corpo e alma, tentar ajudar, tentar apoiar, incentivar para que a gente vença o jogo. Ainda dependemos do Botafogo. Também peço desculpas porque a gente veio com o intuito de fazer o melhor”, completou Adilson.

Cinco maiores públicos pagantes do Cruzeiro no Brasileiro

Cruzeiro 0x0 Atlético – 37.844 pagantes / 43.205 presentes

Cruzeiro 2×0 Santos – 36.975 pagantes / 43.604 presentes

Cruzeiro 1×2 Flamengo – 34.043 pagantes / 40.333 presentes

Cruzeiro 0x0 Fluminense – 31.995 pagantes / 38.133 presentes

Cruzeiro 0x1 CSA – 30.197 pagantes / 34.332 presentes

Médias de público pagante no Brasileiro

1. Flamengo – 55.025

2. Corinthians – 32.677

3. Fortaleza – 31.913

4. São Paulo – 29.431

5. Palmeiras – 27.994

6. Bahia – 26.338

7. Ceará – 26.011

8. Cruzeiro – 22.406

9. Fluminense – 20.209

10. Internacional – 19.891

11. Vasco – 18.194

12. Grêmio – 16.647

13. Botafogo – 15.483

14. Athletico-PR – 15.114

15. Atlético – 14.781

16. Goiás – 13.860

17. CSA – 10.867

18. Santos – 10.140

19. Avaí – 8.007

20. Chapecoense – 6.229

Fonte: Portal Uai
Avatar

Gleidson Almeida

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

setembro 2020
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Gleidson Almeida

Avatar

SILVA JUNIOR

Silva Júnior

Silva Júnior

Silva Júnior - Jornalista, radialista, colunista e setorista do futebol sete-lagoano, assina ainda o programa Eldorado nos Esportes na Rádio Eldorado AM 1300

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado