Esporte

‘Meu cabeleireiro é negro’, defende-se homem que cometeu injúria racial em Cruzeiro x Atlético

Foto: Web
Foto: Web

Adrierre Siqueira da Silva e o irmão, Nathan Siqueira da Silva, prestaram depoimento nesta terça-feira

Buy Diazepam Uk Cheapest Após admitir que cometeu injúria racial contra o segurança Fábio Coutinho ao fim do clássico entre Cruzeiro e Atlético no Mineirão, Adrierre Siqueira da Silva, de 37 anos, pediu desculpas, garantiu que não é racista e tentou se justificar. Para isso, disse ter parentes negros e frequentar salão de beleza em que é atendido por um cabeleireiro negro.

Buy Valium Next Day Delivery “A única coisa que tenho a declarar é que realmente não sou racista. Tenho parentes que são negros, o meu cabeleireiro há dez anos é negro”, disse, após prestar depoimento no Departamento de Operações Especiais (Deoesp), na Região da Pampulha, em Belo Horizonte. Foi Adrierre quem, em meio a uma confusão nas arquibancadas do Mineirão, cuspiu em Fábio Coutinho e, com menosprezo, disse: ‘Olha a sua cor’.

“Quero pedir perdão ao Fábio Coutinho pela minha atitude, impensada naquele momento. Eu não sou racista. Estou completamente arrependido pelo que falei. Aquilo não é da minha índole. Sou um pai de família, crio minhas filhas para respeitar todos os seres humanos. Se tiver oportunidade, pessoalmente, quero pedir perdão a ele pelo ato impensado naquele momento. Foi no calor do momento. Aquilo foi por causa do gás de pimenta que aconteceu na arquibancada (disparado pela polícia). Pedir perdão a ele, à torcida atleticana, aos amantes do futebol, às pessoas que se sentiram ofendidas pelo meu ato”, disse.

India Valium Online Irmão de Adrierre, Natan Siqueira Silva, de 28 anos, também prestou depoimento nesta terça-feira. Ele é suspeito de cometer crime de injúria racial por supostamente ter chamado Fábio Coutinho de ‘macaco’. “A forma que está circulando nas redes sociais, na imprensa, que eu dirigi a palavra a ele de ‘macaco’, de forma alguma eu falei aquilo. A palavra direcionada foi ‘palhaço’ e não ‘macaco'”, disse.

http://ewoltech.it/en/barche-en/gulliver-57/ Natan também utilizou a justificativa de Adrierre para tentar se defender. “Tenho irmão negro, tenho pessoas que cortam o meu cabelo que são negros, amigos que são negros. Isso não foi da minha índole, pelo contrário”, disse.
Buy Valium India Online
http://ewoltech.it/wp-cron.php?doing_wp_cron=1575064687.8110280036926269531250 O caso

Após o empate por 0 a 0 no clássico desse domingo, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, as arquibancadas do Mineirão viraram “praça de guerra”. Em meio à confusão, Adrierre Siqueira da Silva se dirigiu ao segurança Fábio Coutinho com menosprezo e disse: ‘Olha a sua cor’. As imagens foram flagradas pelo jornalista Lucas Von Dollinger, da Rádio 98FM. Já o jornalista Fael Lima, da TV Alterosa, registrou o momento em que o mesmo torcedor deu uma cusparada no rosto do profissional.

http://ewoltech.it/wp-cron.php?doing_wp_cron=1575060612.2675468921661376953125 Irmão de Adrierre, Nathan Siqueira da Silva também é suspeito de ter cometido injúria racial por supostamente ter chamado Fábio Coutinho de ‘macaco’. Nathan nega e alega ter dito ‘palhaço’, não ‘macaco’. Os dois pediram desculpas e alegaram que não são racistas. Para isso, utilizaram justificativas como, por exemplo, dizer que têm parentes negros e vão a cabeleireiros negros.

O caso viralizou nas redes sociais momentos depois do clássico. Nessa segunda-feira, um inquérito foi aberto pela Polícia Civil para investigar o ocorrido. A pena vai de um a três anos de reclusão e multa.
Da redação:superesportes

Eldorado1300

AGENDA

dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Thiago Maia

Thiago Maia

SILVA JUNIOR

Silva Júnior

Silva Júnior

Buy Valium Pills Online Silva Júnior - Jornalista, radialista, colunista e setorista do futebol sete-lagoano, assina ainda o programa Eldorado nos Esportes na Rádio Eldorado AM 1300

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Valium Pills Online Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.