Super Destaques

29 anos sem o filho de Sete Lagoas, Zacarias

Reprodução
Reprodução

Humorista sete-lagoano, maior embaixador do município faleceu aos 57 anos

No dia 29 de março, o povo sete-lagoano recorda com saudade, o nome mais popular do município nos anos 70/80, Mauro Faccio Gonçalves, nosso eterno trapalhão Zacarias.

O personagem  Zacarias foi um dos mais populares e engraçados do quarteto Os Trapalhões. Ao lado de Didi (Renato Aragão), Dedé (Dedé Santana) e Mussum (Antônio Carlos Bernardes Gomes), Mauro Faccio Gonçalves, ou simplesmente Zacarias, animou os telespectadores da Globo por longos anos.

O ator e humorista morreu no dia 18 de março de 1990, há exatos 29 anos em decorrência de uma insuficiência respiratória, aos 57 anos.

Memorial Zacarias

Agora, 29 anos após a sua partida a terra natal do humorista coloca em prática a construção do tão sonhado memorial que será instalado no Centro Cultural Nhô Quim Drummond – Casarão.

A Prefeitura de Sete Lagoas já venceu importantes etapas do projeto. Já foram realizados os processos licitatórios da obra e também para aquisição de mobiliários e equipamentos. A proposta conta com investimento de uma Emenda Parlamentar do deputado estadual Douglas Melo de R$ 83 mil e contrapartida do município de R$ 33.528,49. A Secretaria Municipal de Cultura e Juventude cuida das questões técnicas e inicialmente encontrou dificuldades na realização das concorrências públicas por conta das especificações técnicas do Memorial.

As obras serão iniciadas nos próximos dias e para valorizar e manter em evidência a memória do trabalhão Zacarias não só em Sete Lagoas, mas em todo o Brasil, outro projeto paralelo vai permitir a criação de um circuito cultural diretamente ligado ao artista. Isso será possível com a exposição permanente Zacaritaco que já ocupa a galeria Fernandino Júnior da Casa da Cultura Francisco Timóteo Pereira.

Dmitrius Cotta, diretor de Galerias da Secretaria de Cultura e Juventude, explica que a origem da Zacaricato nasceu com a chegada de caricaturas de Zacarias ao acervo municipal. A exposição ampliou a possibilidade comemorativa em um momento tão importante. “Esse conjunto vai fortalecer a relação de Sete Lagoas com o alto astral, o bom humor e sua vocação turística. Considero esses dois espaços como dois receptivos turísticos voltados para a cultura tendo como foco o Zacarias”, avalia.

O Memorial tem orçamento total de R$ 116.528,49. A proposta tem apoio da família de Mauro Faccio Gonçalves que deve fortalecer o acervocom peças diversas para o espaço.

Quem foi Mauro Faccio Gonçalves (Zacarias)?

Mauro nasceu em Sete Lagoas, numa família de onze irmãos. Antes de se tornar famoso, foi vendedor de sapatos e trabalhou em uma fábrica de café, onde seu pai já trabalhava. Era filho de Mariano Gonçalves e Virgínia Faccio.

Mauro estudou no Colégio Diocesano Dom Silvério de Sete Lagoas. Começou a carreira no rádio em 1955, na Rádio Cultura de Sete Lagoas, num programa humorístico chamado “Em Babozal Era Assim”. No ano seguinte, formou-se técnico em contabilidade pela Escola Técnica de Comércio de Sete Lagoas. Através do humor, logo tornou-se conhecido pela incrível habilidade de trocar de vozes, criando vários tipos completamente diferentes, e de imitar animais com rara perfeição.

Mudou-se para Belo Horizonte em 1957, onde tentou estudar Arquitetura, trabalhando ao mesmo tempo como bancário. Porém, dificuldades financeiras o impediram de iniciar o curso. Na capital mineira, Mauro trabalhou na Rádio Inconfidência, fazendo três programas, sendo que o que mais o marcou como comediante foi Arte Final. Logo veio o reconhecimento: foi considerado o melhor comediante do rádio de 1960 a 1963. Ainda em Belo Horizonte, fez sua estreia na televisão, na TV Itacolomi, no programa Tribunal de Calouros.

Em 1963, recebeu uma proposta para trabalhar na TV Excelsior do Rio de Janeiro, a convite de Wilton Franco. Apesar da timidez – que inicialmente o impedia de trabalhar na televisão – Mauro estreou em um programa de calouros, onde criou cinco personagens, incluindo o Garçom Moranguinho, fazendo grande sucesso inspirado num garçom sete-lagoano. Mais tarde, foi para a Rede Record, para fazer parte do elenco de A Praça da Alegria e Os Insociáveis. Sua participação no programa fez com que Renato Aragão o convidasse para ser efetivado no grupo “Os Trapalhões”. Mauro foi o último a integrar o grupo, do qual já faziam parte Didi, Dedé e Mussum, completando assim a formação do quarteto em 1976.

Além do personagem Zacarias, Mauro Gonçalves também era a voz que interagia com o personagem Aparício, interpretado por Renato Aragão, e fez um filme com Roberto Machado, intitulado Deu A Louca Nas Mulheres. Em 1970, foi premiado pela sua interpretação na peça “A Dama do Camarote”. Permaneceu no grupo “Os Trapalhões” até 1990, ano em que faleceu. Seu último filme foi Uma Escola Atrapalhada.

Zacarias foi casado por 15 anos com a atriz e dubladora Selma Lopes e adotou Maria Laura, filha de um casamento anterior de Selma. Após a separação, os dois ainda continuaram amigos, tanto é que Selma participou de vários quadros dos Trapalhões. O trapalhão também já namorou com a cantora Waleska, de 1979 a 1981.

Da Redação

Barbara Dias

Barbara Dias

Jornalista com especialização em publicidade e marketing, coordenadora do Portal Sete, editora chefe do Jornal Hoje Cidade e assina o programa Tarde Viva na Rádio Eldorado AM 1300

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Barbara Dias

Barbara Dias

Jornalista com especialização em publicidade e marketing, coordenadora do Portal Sete, editora chefe do Jornal Hoje Cidade e assina o programa Tarde Viva na Rádio Eldorado AM 1300

SILVA JUNIOR

Silva Júnior

Silva Júnior

Silva Júnior - Jornalista, radialista, colunista e setorista do futebol sete-lagoano, assina ainda o programa Eldorado nos Esportes na Rádio Eldorado AM 1300

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.