Servidores médicos de Sete Lagoas param dia 16 por falta de pagamentos

1
148

Reunidos em Assembleia Geral Extraordinária, dia 8 de janeiro, médicos servidores da Prefeitura Municipal de Sete Lagoas deliberaram por paralisar as atividades no dia 16 de janeiro pelo período de 24 horas, a partir das 7h,  respeitando os atendimentos as urgências e emergências.

Os médicos reivindicam o pagamento dos meses em atraso – novembro, dezembro e décimo terceiro salário no ano de 2018. Também pedem mais transparência nas ações dos gestores em relação às medidas de contenção de despesas com a saúde.

Em ofícios enviados aos gestores, comunicando a paralisação deliberada, o Sinmed-MG solicitou cronograma de pagamento dos meses em atraso e do décimo terceiro salário dos servidores médicos até o dia 23 de janeiro. Caso isso não aconteça, nova paralisação de 24 horas, já deliberada em assembleia, acontecerá no dia 30 de janeiro.

Nos ofícios o sindicato solicita novamente o agendamento de uma reunião com a atual administração.

Regina Perillo – Ass. Comunicação – Sinmed

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta