Agente socioeducativo é preso após ameaçar filha que o denunciou por abuso sexual em Montes Claros

Autor foi flagrado por investigadores em frente à casa da vítima; ela afirmou que foi pressionada a retirar a denúncia sobre o abuso sexual.

0
157
Ilustrativa / Reprodução

Um agente socioeducativo de 42 anos foi preso nessa quarta-feira (9) em Montes Claros, no Norte de Minas. De acordo com a Polícia Civil, ele é investigado por abusos sexuais contra a própria filha, de 15 anos, e nessa quarta foi preso por ameaçar a adolescente.

A denúncia de abuso sexual é investigada pela Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher (DEAM) e a vítima relatou que o crime era praticado há cerca de três anos. Nesta quarta, após ser ouvido na delegacia, o suspeito foi flagrado por investigadores em frente à casa da vítima. A menina e a mãe dela afirmaram que foram ameaçadas e pressionadas pelo agente para retirarem a denúncia.

Segundo a Polícia Civil as ameaças “gerou séria intimidação contra as partes, razão pela qual foi ratificada a prisão em flagrante delito, pelo crime de coação no curso do processo”. A PC diz a investigação sobre o abuso sexual continuará na Delegacia da Mulher. O suspeito foi levado para o Presídio Regional.

*G1.com/Grande Minas

Deixe uma resposta