Arnaldo Martins Colunistas

Mudanças chegarão

Reprodução
Reprodução

O tão esperado ano novo está chegando, e poucas horas antecipa os novos governantes estaduais e o presidente da República de assumir o comando e guiar o Brasil para novos rumos.

É a tão esperada “mudança” que o Brasil precisa.

A corrupção, doença que está matando o país, deverá ter um “basta” porque o povo humilde e trabalhador estão cansados de ver o suor de sua luta ir por um ralo abaixo, como se nada tivessem feito pelo país.

Trabalhar, trabalhar, trabalhar enquanto os corruptos enriquecem e ficam impunes.

Agora chegou o momento “das mudanças”.

A esperança dos brasileiros é que “as mudanças” cheguem com o ano novo.

Mas é preciso que o povo tenha consciência que os resultados “das mudanças”  não terão resultados imediatamente e de uma hora para outra.

Portanto, não faça um julgamento prematuro sem antes conhecer todos os caminhos que serão percorridos para obtenção dos resultados positivos.

Atente para história abaixo:

– Um homem tinha quatro filhos.

Ele queria que eles apredenssem a não julgar as coisas com pressa.

Assim os convidou para fazer uma viagem para observar uma determinada árvore que estava em um lugar muito longe.

O primeiro filho foi lá no inverno, o segundo na primavera, o terceiro no verão, o quarto no outono.

Quando o último voltou, o pai os reuniu e pediu a eles que descrevessem o que tinham visto.

O primeiro filho disse que a arvore era feia e toda torta.

O segundo filho já disse que a árvore era coberta de verde e de promessas de vida.

O terceiro filho não concordou, e disse que era coberta de flores, que tinha um perfume muito doce, e era tão linda que talvez tivesse sido a coisa mais bonita que ele já tinha visto na vida.

O ultimo filho não concordou com todos os outros, e disse que a árvore estava cheia de frutas, de vida e de promessas.

O homem então explicou aos seus filhos que todas as respostas estavam corretas, pois cada um deles tinha visto a árvore em uma estação diferente.

Explicou para eles que não podiam julgar a árvore, ou uma pessoa, por uma só estação, e que a essência, o prazer, a alegria e o amor que vêm daquela vida podiam ser medidas só no final, quando tivessem passado todas as estações.

Se você renúncia ao inverno perderá a promessa da primavera, a riqueza do verão e a beleza do outono.

Não deixe que a dor de uma estação destrua a alegria que virá depois.

Não julgue a sua vida em uma estação difícil.

Continue através das dificuldades, e certamente tempos melhores virão quando menos você esperar.

Viva todas as suas estações com alegria.

Feliz Ano Novo.

Que em 2019 todos os dias sejam repletos de boas realizações por um Brasil melhor.

Mudanças chegarão!

Consultar

Até a semana que vem se Deus quiser, e Ele há de querer

Por Arnaldo Martins

Cebolinha

Barbara Dias

Barbara Dias

Jornalista com especialização em publicidade e marketing, coordenadora do Portal Sete, editora chefe do Jornal Hoje Cidade e asinsa o programa Tarde Viva na Rádio Eldorado AM 1300

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Barbara Dias

Barbara Dias

Jornalista com especialização em publicidade e marketing, coordenadora do Portal Sete, editora chefe do Jornal Hoje Cidade e asinsa o programa Tarde Viva na Rádio Eldorado AM 1300

SILVA JUNIOR

Silva Júnior

Silva Júnior

Silva Júnior - Jornalista, radialista, colunista e setorista do futebol sete-lagoano, assina ainda o programa Eldorado nos Esportes na Rádio Eldorado AM 1300

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.