Sem Chará, Larghi estuda possibilidades do Atlético para o clássico; veja as opções

0
525
Foto: Web

Atacante colombiano desfalcará time para defender a seleção

Melhor driblador do Atlético no Campeonato Brasileiro, Yimmi Chará não disputará o clássico contra o América. O atacante colombiano, que é titular absoluto do time comandado pelo técnico Thiago Larghi, foi convocado pela Seleção Colombiana para amistosos contra Estados Unidos e Costa Rica. Por isso, não defenderá a equipe alvinegra no duelo deste domingo, 19h, no Independência, pela 29ª rodada. Mas quem o substituirá?

Thiago Larghi tem pelo menos seis opções no elenco para a vaga. Nenhuma, entretanto, é unanimidade. Chará, que alterna boas e más atuações, também não o é. Apesar de a irregularidade ser uma situação natural em função do processo de adaptação ao futebol brasileiro, o colombiano é cobrado, especialmente por ter sido o maior investimento financeiro da diretoria atual.
Quem surge como um dos principais postulantes a ocupar o setor esquerdo da linha de três atacantes do 4-3-3 do Atlético é Tomás Andrade. “É uma opção, mas vamos ver durante a semana”, limitou-se a dizer Larghi. O meia argentino tem características bem diferentes das de Chará. Seria uma possibilidade de mais cadência e aproximação e menos verticalidade, profundidade e amplitude.
Apesar de ter disputado apenas 14 dos 28 jogos do Campeonato Brasileiro, Chará é o jogador do Atlético que mais driblou durante a competição. Foram 22 tentativas, com 17 acertos e cinco erros. Além de ter esse fundamento como qualidade, o colombiano também se destaca pela velocidade. São características relativamente parecidas com as de Edinho e Leandrinho, outras duas opções de Larghi para o setor.
Foto: Web
Foto: Web
Emprestado pelo Chelsea, Nathan é outra possibilidade. O jovem meia de 22 anos já atuou de duas formas pelo Atlético: centralizado e aberto pelas pontas. Emendou quatro jogos como titular, mas não engrenou. Após mais de um mês, voltou a campo na goleada por 5 a 2 contra o Sport, no Independência. É opção com bom passe e finalização de média distância.
Falando em chutes de média distância… David Terans, que tem como uma das maiores virtudes a finalização potente, pode ser acionado por Larghi para a vaga de Chará. O meia-atacante uruguaio jogou dez vezes com a camisa do Atlético. Foi titular apenas na vitória por 2 a 0 sobre o Paraná, quando deu assistência para o gol do zagueiro Leonardo Silva.
Corre por fora na disputa o jovem Bruninho, de 18 anos. Acionado com certa frequência por Oswaldo de Oliveira no início da temporada, perdeu espaço sob o comando de Thiago Larghi. Atualmente, alterna treinos na equipe principal e jogos como titular nas categorias de base do Atlético.
Além de Chará, o Atlético também não contará com Emerson no clássico contra o América. O lateral-direito defenderá a Seleção Brasileira sub-20 em amistosos contra o Chile, nos dias 13 e 15, em Santiago. Há, porém, a expectativa pelas voltas de Cazares e Ricardo Oliveira. Os dois não entraram em campo na derrota por 1 a 0 para a Chapecoense, nesse domingo, em função de dores musculares.

 

Da redação:superesportes

Deixe uma resposta