Quem joga? As opções de Mano Menezes no Cruzeiro para substituir Arrascaeta na decisão da Copa do Brasil

0
227
Foto: Web

Uruguaio foi convocado para amistosos da Seleção e deverá desfalcar a equipe

Dificilmente o técnico Mano Menezes poderá escalar Arrascaeta no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, contra o Corinthians, nesta quarta-feira, às 21h45, no Mineirão. Convocado para a Seleção Uruguaia, o meia-atacante não conseguiu a liberação do técnico Óscar Tabárez dos amistosos contra Coreia do Sul e Japão, em 12 e 16 de outubro. Assim, o Cruzeiro precisará encontrar um substituto para o camisa 10 no duelo decisivo. As principais opções são Rafinha, David e Rafael Sobis. Veja o que a equipe celeste ganha e perde com cada um deles.

  • Rafinha: jogador veloz, Rafinha tem como principal diferencial em relação aos concorrentes para a vaga de Arrascaeta o poder de marcação. Se optar pelo camisa 18, Mano Menezes ganhará um ponta que recompõe com qualidade no momento sem a bola. Por outro lado, o time perde muito na criação das jogadas. Contra o Boca Juniors, pela Libertadores, em Buenos Aires, Rafinha foi escolhido para fazer a função e também não conseguiu dar profundidade nos lances ofensivos.
  • David: diferentemente de Rafinha, David é um jogador mais lento e não tem tanta habilidade para recompor defensivamente. Contratado ao Vitória no início da temporada, o atacante tem, no entanto, finalização melhor e consegue chegar à linha de fundo com mais facilidade. Ofensivamente, embora não tenha apresentado até aqui o futebol que se esperava dele, David acrescenta mais ao time do que Rafinha.
  • Rafael Sobis: recuperado de lesão há cerca de um mês, Rafael Sobis ainda retorna aos poucos do problema que o tirou de compromissos importantes do Cruzeiro na temporada. Se ganhar a vaga de Arrascaeta, o camisa 7 contribuirá, acima de tudo, com a experiência nos grandes jogos. Embora não tenha mais a velocidade e o oportunismo dentro da área de outrora, Sobis tem o poder de segurar a bola no ataque e controlar a partida.
Além das três opções principais, Mano Menezes ainda poderá fazer mudanças mais ousadas. Uma delas é utilizar Raniel pela ponta ao lado de Barcos, que deverá ser a referência do ataque. O jovem atleta, de 22 anos, fez essa função em alguns minutos do segundo tempo no empate por 1 a 1 com o Boca Juniors, pela Copa Libertadores, na última quarta. Sassá, expulso na semifinal contra o Palmeiras, cumprirá suspensão automática.
O jogo de ida da final da Copa do Brasil será disputado na próxima quarta-feira, às 21h45, no Mineirão. A partida de volta está marcada para a semana seguinte, no mesmo horário, na Arena Corinthians. Enquanto o Cruzeiro sonha com o sexto título, o Corinthians almeja o terceiro. O campeão acumulará R$ 61,9 milhões em premiação (R$ 50 milhões pela conquista da taça e R$ 11,9 milhões das fases anteriores).
Da redação:superesportes

Deixe uma resposta