Com Chará em campo, Atlético faz treino fechado e segue preparação para o clássico

0
111
Foto: Web

Atacante chegou a 1h desta quinta e participou da atividade no CT

O técnico Thiago Larghi fechou a atividade desta quinta-feira, na Cidade do Galo. Os jornalistas acompanharam apenas as entrevistas coletivas e o aquecimento dos atletas. Deu para perceber, no entanto, que o colombiano Yimmi Chará participou normalmente da atividade no CT. O jogador retornou de período com a Seleção Colombiana.

Chará chegou a Belo Horizonte por volta de 1h desta quinta. Mesmo com o curto tempo de descanso, ele foi a campo na Cidade do Galo.
Chará jogou apenas 15 minutos pela Seleção Colombiana, na vitória sobre a Venezuela, por 2 a 1. Foi dele o gol decisivo, já nos acréscimos, após aproveitar sobra de bola na área. Contra a Argentina, ele não foi acionado pelo técnico Arturo Reyes. O jogador comentou a passagem pela equipe nacional.
“Foi bom. Independentemente do gol, aproveitei os minutos que estive em campo. É sempre bom estar com a seleção. Tenho que seguir trabalhando. A seleção está passando por uma renovação, buscando coisas novas. O importante é o que se pode fazer no clube”, disse.
O atacante vai disputar seu primeiro clássico com a camisa do Atlético. Chará comentou a expectativa pelo jogo no Mineirão. “É um estádio que tem muitas histórias para contar. Esperamos que seja uma boa partida, que a equipe possa jogar da melhor maneira. Não vai ser fácil, mas esta equipe está acostumada a jogar jogos desse nível. Vamos tentar fazer as coisas da melhor forma”.
O treino
A atividade desta quinta não teve nenhuma ausência. Todos os atletas foram a campo durante o aquecimento, único momento registrado pelos jornalistas. O técnico Thiago Larghi deixa dúvidas em relação ao time que enfrenta o Cruzeiro, domingo, às 16h, no Mineirão, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.
O lateral-direito Emerson, que ficou fora do jogo contra o Atlético-PR, deve voltar ao time; Chará deve retornar no lugar de Tomás Andrade. A dúvida é no meio-campo. Elias e Matheus Galdezani brigam pela chance de iniciar o jogo contra o arquirrival.
Da redação:superesportes

Deixe uma resposta