Arnaldo Martins Colunistas

O glorioso tempo acabou

Conversa Afiada não está credenciada e nem tampouco tem competência técnica para fazer pesquisa sobre quaisquer temas aqui citados.

Mas serei breve para aqueles que acompanharam minha matéria da semana passada quando no título dizia: “A batata tá assando, e a imagem da TV Globo foi exibida na foto em destaque”.

Lembra-se?

O índice de leitores e telespectadores que afirmaram não sintonizar mais a “Vênus Platinada” foi um número muito alto, eu até diria, foi um número assustador.

Óbvio, que tenho leitores (as) fiéis ao nosso bate papo semanal, os quais tenho o máximo respeito e que defendem a TV Globo de todas as maneiras, o que é um direito constituído deles.

“O gosto não se discute, cada um tem o seu”.

Más, até parece que “cutuquei a onça com a vara curta”, pois, no último domingo a direção da emissora tomou medidas emergentes e houve “troca-troca de cadeiras”, no Jornalismo, Entretenimento e até no Fantástico.

As demissões para tentar reduzir o prejuízo em 2021 estão cada dia mais aceleradas na Globo.

O aumento de custos, a perda de receita publicitária e o impacto da Pandemia obrigou a emissora a dispensar veteranos do Jornalismo e das Novelas.

A era de ouro da TV Globo no auge teve quase dois mil artistas com Contrato Fixo.

Alguns atores do primeiro time ficavam até dois anos sem fazer novela e, mesmo assim, recebiam alto salário todo mês.

Repórteres das antigas eram bem pagos para gravar matérias apenas um ou dois dias na semana.

Não havia economia nas produções e gastava-se o que fosse necessário para fazer reportagens e teledramaturgia, a fim de garantir o caro padrão Globo de qualidade.

E o lucro despencou 77% no ano passado (muita grana que se foi).

A sequência impressionante de demissões e contratos sem renovação vai continuar, e o clima nos estúdios e nas redações da Globo é de apreensão.

Há até uma brincadeira tensa usando o título de uma das novelas mais bem-sucedidas do canal: “Quem será a próxima vítima?”.

O glorioso tempo acabou.

 

Até a semana que vem se Deus quiser, e Ele há de querer.

Arnaldo Martins (Cebolinha)

Instagram: @arnaldo.cebolinha

Facebook: Arnaldo Martins

E-mail: conversaafiada2503@gmail.com

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

novembro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado