Destaques Saúde

Setembro Amarelo chama a atenção para a prevenção e conscientização do suicídio

Especialista da Faculdade Pitágoras dá dicas de como identificar primeiros sinais e prevenir.

Estamos iniciando o mês de alerta a uma questão grave e frequente nos dias atuais. O “Setembro Amarelo“, época dedicada à prevenção e conscientização do suicídio. Segundo a Associação Internacional para a Prevenção do Suicídio (IASP) e a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 12 mil pessoas tiram a própria vida todos os anos no Brasil e mais de 1 milhão no mundo.

Trata-se de uma triste realidade e, em 96,8% dos casos há relação com transtornos mentais. Entre as principais doenças relacionadas está a depressão, seguida do transtorno bipolar e abuso de substâncias.

Para o coordenador e docente do curso de Psicologia da Faculdade Pitágoras, Rongno Rodrigues, por conta da pandemia da Covid-19, chamar a atenção para o “Setembro Amarelo” se tornou ainda mais importante. “O isolamento social, a angústia gerada pelo medo da contaminação e a perda tem gerado um aumento expressivo nos casos de crise de ansiedade, pânico e depressão”, conta.

De acordo com uma pesquisa recente da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), os casos de ansiedade e estresse neste período de quarentena tiveram um aumento de 80%. Outro levantamento feito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) e Unicamp, chegou a conclusões semelhantes. Foram entrevistadas cerca de 45 mil pessoas. Grande parte desse grupo, 40%, disse ter sentido tristeza ou depressão, e 54% se declararam ansiosos/nervosos com frequência.

O especialista da Faculdade Pitágoras explica que a maioria dos suicídios é precedida por sinais de alertas verbais ou comportamentais. “Devemos ficar atentos a falas sobre querer morrer, sentir grande culpa ou vergonha ou sentir-se um fardo para os outros. Além disso, mudanças comportamentais, como fazer um plano ou pesquisar maneiras de morrer, afastar-se dos amigos, dizer adeus, distribuir itens importantes ou fazer testamentos, fazer coisas muito arriscadas, mudanças extremas de humor, comer ou dormir muito ou pouco e usar drogas ou álcool com mais frequência. Todos esses podem ser sinais para um possível suicídio”.

Sobre se há como prevenir o suicídio, o psicólogo conta que “a detecção precoce e o tratamento da depressão e dos transtornos por uso de álcool são essenciais para a prevenção do suicídio, bem como o contato com pessoas que já tentaram tirar a própria vida. O apoio psicossocial nas comunidades é muito importante para o aconselhamento nesses momentos. Em caso de detecção de sinais de suicídio em si mesmo ou em alguém, a recomendação é procurar ajuda de um profissional de saúde o mais rápido possível”, finaliza.

Veja abaixo mais ações sugeridas pelo professor que podem contribuir para a prevenção do suicídio:

– Realizar terapia assim que surgir os primeiros sinais;

– Limitar o acesso aos meios para cometer suicídio;

– Falar abertamente sobre o assunto e de modo a acolher o indivíduo;

– Procurar associações que promovem encontros com pessoas que também passaram pela mesma inquietação;

– Evitar estresse e ocasiões que levam a angústia e a depressão.
Ideal H+K Strategies
https://www.idealhks.com/
Barbara Dias

Barbara Dias

Jornalista com especialização em publicidade e marketing, coordenadora do Portal Sete, editora chefe do Jornal Hoje Cidade e assina o programa Tarde Viva na Rádio Eldorado AM 1300

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

novembro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Barbara Dias

Barbara Dias

Jornalista com especialização em publicidade e marketing, coordenadora do Portal Sete, editora chefe do Jornal Hoje Cidade e assina o programa Tarde Viva na Rádio Eldorado AM 1300

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado