Cidade Super Destaques

Educação evolui em processos pedagógicos e comissão prepara protocolo para aulas presenciais

A pandemia da Covid-19 provocou em vários setores da sociedade a necessidade de reinvenção. Não há dúvidas de que um dos mais provocados neste sentido foi o educacional. Por isso, há um ano a Prefeitura de Sete Lagoas – por meio da Secretaria Municipal de Educação, Esportes e Cultura – não para de aprimorar a metodologia de atividades não presenciais e ensino remoto, alternativa viável para manter a plano curricular dos estudantes. Agora, uma nova etapa está em andamento, e uma comissão está elaborando a minuta de protocolo pedagógico de retorno às aulas presenciais.

Com o objetivo de garantir a continuidade do processo ensino/aprendizagem, a educação municipal disponibilizou desde 8 de junho de 2020 atividades remotas que são executadas pelos alunos juntamente com seus familiares, sempre sob orientação e monitoramento pedagógico de gestores, pedagogos e professores. “A premissa é ofertar um ensino para a compreensão, por meio de políticas públicas educacionais, com o objetivo de buscar inovações para esses novos tempos em que as atividades não presenciais e o ensino remoto se tornaram uma realidade bem próxima de nossos alunos”, explica Márcia Veiga, diretora do departamento da equipe pedagógica da Secretaria Municipal de Educação. O trabalho nunca parou, apesar dos desafios interpostos pelo contexto pandêmico.

PROTOCOLO PEDAGÓGICO

No dia 5 de abril de 2021 foi instituída, por meio da Portaria nº 294, a Comissão no âmbito do Sistema Municipal de Ensino, que tem a missão de elaborar a minuta do protocolo pedagógico de retorno às aulas presenciais em Sete Lagoas. O grupo de trabalho é formado por profissionais da Educação Municipal, sindicatos, técnicos da Secretaria Municipal de Educação e membros do Conselho Municipal de Educação, sendo um espaço de discussão e encaminhamentos sobre as propostas pedagógicas no cotidiano escolar após a pandemia. “O objetivo é auxiliar na elaboração de encaminhamentos pedagógicos quando do retorno presencial das aulas, apresentando opções de norteamento garantindo os direitos de aprendizagem a partir da realidade de cada instituição escolar, respeitando o contexto e os sujeitos envolvidos”, comenta a secretária municipal de Educação, Esportes e Cultura, Roselene Alves Teixeira.

O documento terá como base imperativos da legislação educacional vigente e do protocolo sanitário de Sete Lagoas. “É um trabalho de gestão compartilhada e não é possível, ainda, prever um prazo de conclusão. Mas nunca paramos de trabalhar sempre com foco no planejamento e adequação curricular. Além da comissão que tem foco definido, existem várias frentes de atuação para garantir o aprimoramento diante dos novos desafios”, esclarece Márcia Veiga.

Renato Alexandre

Prefeitura de Sete Lagoas – Ascom

Eldorado1300

AGENDA

setembro 2021
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado