Automóveis

Com ‘genética’ melhorada, Mustang Mach 1 estreia por R$ 500 mil

Criadores de cavalos geralmente selecionam o animal matriz para cruzar com as melhores éguas. Quem entende do assunto garante que se trata de um negócio milionário. Um puro-sangue pode custar verdadeira fortuna. Daí a Ford percebeu que poderia combinar genes de diferentes potros para chegar ao garanhão perfeito, que ela batizou de Mustang Mach 1.

O Mach 1 acaba de ser apresentado no Brasil e chega com preço de cavalo de exposição, por nada modestos R$ 499 mil. A versão que surgiu no final dos anos 1960 retorna agora como série limitada.

O status de equino premiado se dá pela adoção de elementos retirados dos espécimes mais brutos, como a suspensão traseira (com amortecedores com ajuste magnético de carga) e os defletores do Shelby GT 500, o coletor do Shelby GT 350 e o corpo de borboletas do Bullit. O resultado foi um potro equilibrado, com comportamento dinâmico perfeito entre o carro de rua e aspirante a corredor.

Outros recursos são o defletor inferior traseiro. Ele, além de proteger o bloco, direciona o fluxo de ar para os discos de freio. A solução aumenta o resfriamento do sistema Brembo (com pinças de seis pistões), o que reduz o risco do chamado efeito fading – quando os discos superaquecem e perdem capacidade de frenagem. Também recebeu radiador do diferencial do GT 500 para dispersar o calor ds sistema de transferência de torque.

Eldorado1300

AGENDA

setembro 2021
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado