Uma vitória garantia aos celestes a conquista da etapa. O Galo precisava vencer para ultrapassar o rival, que de certa forma tinha a vantagem do empate, pois na última rodada receberia a URT, com o alvinegro visitando o Villa Nova.

A vitória atleticana começou a ser construída aos 44 minutos do primeiro tempo, com um gol do meia Danival.

Na etapa final, o Atlético sobrou em campo. Marcelo fez 2 a 0 e Paulo Isidoro fechou o placar aos 27 minutos, decretando a primeira goleada sobre o Cruzeiro no Mineirão.

Na última rodada, os cruzeirenses fizeram 4 a 0 na URT, e o Galo 5 a 1 no Villa Nova, no Gigante da Pampulha.

O mando era do Leão, o Cruzeiro recorreu ao STJD alegando inversão de mando, e o tribunal marcou outro jogo, em 31 de julho, em Nova Lima, quando o Atlético ratificou o título do turno do Estadual de 1977 fazendo 2 a 0, numa conquista que tem como ponto principal a primeira goleada sobre o Cruzeiro no Mineirão.

A FICHA DO JOGO

ATLÉTICO 3
Ortiz (Sérgio); Alves, Márcio, Modesto e Flávio; Toninho Cerezo, Danival e Paulo Isidoro; Marinho (Marcinho), Reinaldo e Marcelo. Técnico: Barbatana

CRUZEIRO 0
Raul; Nelinho, Moraes, Darci Menezes e Vanderlei; Flamarion, Zé Carlos (Erivelto) e Neca (Eli Mendes); Eduardo, Eli Carlos e Joãozinho. Técnico: Zezé Moreira

DATA: 29 de maio de 1977
LOCAL: Mineirão
MOTIVO: Campeonato Mineiro
GOLS: Danival, aos 44 minutos do primeiro tempo; Marcelo, aos 11, e Paulo Isidoro, aos 27 minutos do segundo tempo
ARBITRAGEM: Dulcídio Wanderley Boschilla (SP), auxiliado por Valter Leite (MG) e Edson Alcântra do Amorim (MG)
PÚBLICO: 87.763
RENDA: Cr$ 3.030.150,00