Cidade Super Destaques

Bispo Diocesano fala da Campanha da Fraternidade e chama atenção para a importância do ‘Diálogo’

Dom Francisco Cota, Bispo Diocesano de Sete Lagoas falou com a imprensa nesta sexta

 O líder religioso chamou a atenção, para a importância da fraternidade e  do diálogo. Para ele é preciso a desconstrução de muros e construção de pontes que unem ao invés de muros que constroem a indiferença e o ódio. Não vamos fazer o bem para o outro excluindo sua identidade

Nesta sexta-feira, 5, na Cúria Diocesana durante coletiva de imprensa o bispo diocesano, Dom Francisco Cota de Oliveira, falou sobre a Campanha da Fraternidade de 2021 que acontece durante o  Tempo Quaresmal. Ele reconheceu a importância da imprensa, principalmente em momento de pandemia,  como uma forma de comunicar com a população.

Discorrendo sobre o tema da Campanha da Fraternidade Ecumênica (CFE)  que é Fraternidade e Diálogo: compromisso de amor” e o lema “Cristo é a nossa paz: do que era dividido, fez uma unidade, Dom Francisco destacou a importância de viver e promover a dimensão do diálogo, como método de se derrubar as barreiras da divisão, fortalecendo a unidade.

Para ele, o ecumenismo não se faz “trazendo um pastor para o presbitério ou levando os padres para outros templos”. E continua dizendo que “há diversas possibilidades de refletir e rezar juntos, em lugares neutros, buscando propostas de um agir conjunto como pessoas de boas vontade e cristãos que se unem para avaliarem e identificarem caminhos para superar as polarizações e violências, através do diálogo amoroso, testemunhando a unidade na diversidade“.

Sobre a necessidade de políticas públicas para a  defesa dos direitos,  o Bispo Diocesano ressaltou que, principalmente neste momento em que se acentuam as desigualdades sociais, é preciso mais atenção  no sentido de assegurar direitos como a garantia de uma  renda básica, a moradia, a escola de qualidade e o emprego. ” Temos uma carência muito grave e precisamos que essa discussão se desenvolva”, disse.

Segundo ele “quem tem dificuldade de dialogar é quem se sente ameaçado pelo outro. Se estamos certos e amadurecidos na nossa identidade, dos valores e princípios da nossa fé e doutrina, não precisamos agredir ninguém. Podemos nos unir nas ações comuns para viver em harmonia. Este é o lugar do ecumenismo”, ressaltou.

Sobre a importância da igreja no atual momento Dom Francisco Cota afirmou, que  a igreja tem procurado dar a sua contribuição. “Podemos perceber que da nossa parte todos os cuidados estão sendo tomados e também muita conscientização no sentido de preservar a nossa saúde  e a vida, além de  preocupar com o próximo também. Todos nós podemos ser do grupo de risco e precisamos tomar todos os cuidados”, concluiu Dom Francisco Cota.

Eldorado1300

AGENDA

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Redação Redação

Redação Redação

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado