Arnaldo Martins Colunistas Sem categoria

O jeitinho brasileiro.

Parece piada, mas não é: “Furar fila da vacinação contra Covid pode dar até 12 anos de prisão no Brasil”.

É o alerta do Promotor de Justiça Clayton Germano, da 2ª Promotoria de Defesa da Saúde do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios.

Não falo mais nada!

Afirmei no ano passado, quando se iniciou os diversos noticiários em toda mídia da Pandemia no Brasil, que eu nada escreveria nesse espaço justamente pelos “roubos, desvios, falcatruas” que muita gente está usando do momento de dor de famílias para levar vantagens de todas as maneiras.

É o jeitinho brasileiro, o que é lamentável.

Na última edição da nossa CONVERSA AFIADA, falei que a caída do Cruzeiro para Série B do Campeonato brasileiro é única e exclusiva pelos “rombos” dados nos cofres do clube.

É lamentável que culpados pelo desvio de dinheiro no Cruzeiro estejam impunes pelas ruas em liberdade, enquanto fala-se de Justiça com até 12 anos de prisão por ter tomado vacina antecipada.

Que fique bem claro, eu não sou a favor de furar fila para nada no Brasil.

“A justiça brasileira é lenta, e em alguns casos inexiste”, é o jeitinho brasileiro.

Acompanhe comigo: O ex-diretor do Cruzeiro Serginho que teve seu carro depredado “por alguns torcedores” magoados pela situação vivida pelo clube foi até a Delegacia prestar queixa pelos danos causados no seu carro.

Agora, os torcedores agressores estão sendo procurados pela Justiça para que sejam punidos pelo ato de vandalismo e cumpra pena de prisão estabelecida pelo crime cometido.

Parece até piada, mas não é, é o jeitinho brasileiro.

Imagino o Serginho explicando para o Delegado que teve o carro atacado por pessoas que não gostaram porque ele “roubou dinheiro” dos cofres do Cruzeiro.

Se houvesse punição severa no Brasil e cumprimento rigoroso das Leis, muita gente que atua na Justiça estaria atrás das grades.

Ora, ora pessoal!

Até quando viveremos em um Brasil onde a Justiça tem lados diferentes para punir as pessoas?

Até quando viveremos em um Brasil onde as pessoas usam oportunidades para aplicar “o jeitinho brasileiro?”.

Até a semana que vem se Deus quiser, e Ele há de querer.

Por Arnaldo Martins

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

COMENTAR

Clique aqui para enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eldorado1300

AGENDA

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Publicidade

ARQUIVO GERAL

Alvaro Vilaça

Alvaro Vilaça

Jornalista, radialista, âncora do programa Tempo Esportivo na TV Sete Lagoas e diretor de programação da Rádio Eldorado AM1300

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

SILVA JUNIOR

Avatar

Cebolinha

Arnaldo Martins

Arnaldo Martins

Colunista do Hoje Cidade a mais de 20 anos, formado em Assistente de Administração de Empresas, funcionário público.

Rádio Eldorado