Sete Lagoas celebrará santidade de Irmã Benigna em outubro

1
291

Mês de outubro marca falecimento da Irmã que desde 2011, tem seu nome em processo de beatificação que, atualmente, encontra-se na Fase Romana.

No dia 16/10, terça-feira, a Missa em Ação de Graças pela Vida e Santidade da Irmã Benigna será na cidade mineira de Sete Lagoas, às 19h, na Catedral de Santo Antônio (Praça Tiradentes, nº 09, Centro). Presidida por Dom Aloísio Jorge Pena Vitral, Bispo Diocesano de Sete Lagoas, esta Missa dá continuidade a série de celebrações que ocorrem no dia 16 de cada mês, em ação de graças pela vida e santidade da Serva de Deus.

Sete Lagoas é muito importante na caminhada da Irmã Benigna. Nesta cidade ela esteve por diversas vezes; ia, periodicamente, ao Santuário de Adoração, onde rezava com o Padre Fernando dos Reis de Melo. Além do grande número de devotos na cidade e região, aí também residem alguns de seus parentes. Participar desta celebração é uma oportunidade de agradecer a Deus por tantas graças, em especial por Ele ter permitido que a Irmã Benigna viesse a esta cidade e nela deixasse suas marcas.

Irmã Benigna nasceu em Diamantina-MG, no dia 16 de agosto de 1907. Em 11 de fevereiro de 1935 ingressou na Congregação das Irmãs Auxiliares de Nossa Senhora da Piedade, fundada pelo Servo de Deus Monsenhor Domingos Pinheiro, onde trabalhou em diversas casas, levando vida de santidade.

Seu caminhar de vida deixou marcas profundas em todos que a conheceram e em todos os lugares por onde passou, levando inúmeras pessoas à fé e à conversão. Abdicava de si para cuidar do necessitado. Estava sempre disponível para ajudar e acolher a todos, a qualquer hora que fosse chamada, sem fazer distinção de pessoas. A todos ensinava a devoção à Nossa Senhora e o valor da caridade, da Missa, dos sacramentos e das orações, especialmente a Salve Rainha, uma de suas orações prediletas. Em vida, já era considerada santa.

Em 16 de outubro de 1981, Irmã Benigna faleceu em Belo Horizonte, aos 74 anos. Desde então, sua fama de santidade se espalhou ainda mais e são inúmeros os relatos de graças alcançadas através da sua intercessão. Em 15 de outubro de 2011, foi aberto pela Arquidiocese de Belo Horizonte o processo de sua beatificação que, atualmente, encontra-se na Fase Romana.

Nota: Ainda no mês de outubro, no dia 20 (sábado), as comemorações do aniversário de falecimento da Irmã Benigna acontecerão no Recanto Monsenhor Domingos, em Caeté (MG). A Celebração Eucarística pelo 37º ano do seu falecimento será às 11 h, presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo. Após, haverá almoço de confraternização, visita à Cripta do Ressuscitado, onde estão as Relíquias da Serva de Deus e ao seu Memorial.

A Associação dos Amigos da Irmã Benigna – AMAIBEN e a Congregação das Irmãs Auxiliares de Nossa Senhora da Piedade – CIANSP sentirão honrados com a presença de todos.

Para maiores informações, entrar em contato com:

Associação dos Amigos da Irmã Benigna

Site oficial: www.irmabenigna.org.br

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta