Hoje tem Forró APAExonado, embalado pela solidariedade

0
560
COMUNIDADE APAEXONADA - Evento conta com a colaboração de familiares dos alunos atendidos, amigos e da sociedade sete-lagoana

Evento marcado para o próximo dia 12 é um dos maiores da instituição em Sete Lagoas

Hoje, quinta-feira (12) acontecerá mais uma edição do Forró APAExonado, com renda revertida em benefício da instituição, que atualmente atende a 687 alunos com deficiência intelectual e múltipla.

O evento acontecerá na praça Dom Carmelo Mota (praça da Feirinha) a partir das 18h, com entrada gratuita.

Na ocasião, será apresentado o show da banda APAExonados, abertura com a cantora Bel Costa e participação de Bruno Diniz.

O evento terá ainda brincadeiras, quadrilha dos assistidos da Apae e barraquinhas com pratos típicos e bebidas.

No último sábado, o Sicoob/Credisete realizou o “Dia C” – dia de Cooperar na Apae –, em que os colaboradores da instituição promoveram uma manhã lúdica, em clima descontraído para os alunos, com distribuição de lanches e também doação dos gêneros alimentícios que serão usados no Forró APAExonado.

Segundo a gerente administrativa do Sicoob/Credisete, Amanda Moreira, o “Dia C” é uma forma de o sistema mostrar, mais uma vez, sua responsabilidade social por meio da ajuda a entidades, sendo que este ano foi escolhida a Apae de Sete Lagoas. “Viemos trazer nosso carinho e alegria para os alunos da Apae. Foi uma manhã maravilhosa para todos nós”, disse Amanda Moreira.

“É nosso parceiro de muitas lutas, sempre está nos ajudando. E com o Dia de Cooperar, além da alegria proporcionada para os nossos alunos com distribuição de lanches, trouxeram todos os produtos para a nossa festa junina. Só temos que agradecer”, ressaltou Ângela Mafra, diretora da Apae.

Divulgação
Divulgação

Para ela, os dois maiores eventos da Apae Sete Lagoas são o Forró APAExonado e a Semana Nacional para os Portadores de Deficiência Intelectual e Múltipla, que acontece na última semana de agosto.

“O forró tem como objetivo, além da socialização dos nossos alunos, a inteiração social e a demonstração do potencial de cada um deles através das danças e apresentações. Temos também o estudo folclórico que vem de pais para filhos, traduzido na caracterização pelas comidas típicas da época”.

Mais informações pelo telefone (31) 3774-2101.

Por Barbara Dias

 

Deixe uma resposta