Suspeito de Pornografia infantil em Sete Lagoas não foi encontrado na operação “Luz na Infância 2”

0
649

A Polícia Civil de Minas Gerais cumpre nesta quinta-feira (17) uma operação de combate a pornografia infantil em conjunto numa operação nacional, deflagrada em 24 estados e no Distrito Federal. Houve mandado de busca em Sete Lagoas.

A “Luz na Infância 2” está com 68 mandados de busca em 32 cidades de Minas Gerais, incluindo em Sete Lagoas – aqui, os agentes foram até a casa do suspeito mas não o encontraram. As equipes procuram arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes.

Em Sete Lagoas, uma pessoa foi alvo de mandado de busca e apreensão: M.C.R. A Polícia Civil foi até a casa do suspeito, mas a mãe de M.C.R. disse que ele estava trabalhando na zona rural de Funilândia, em endereço desconhecido. No quarto dele foram apreendidos dois computadores e dois cadernos com anotações, supostamente relacionadas ao crime de pornografia infantil.

A força-tarefa é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública (MESP). A ação envolve 2,6 mil policiais de todo o país. Suspeitos estão sendo detidos em flagrante.

Da redação com G1 e 19ºDRPCMG e Setelagoas.com.br

Deixe uma resposta