Vigília no Chile: acreditando em arrancada na Copa Libertadores, torcedores do Cruzeiro preparam 24 horas de festa em Santiago

0
156
Foto: Web

Evento acontecerá em cervejaria a poucos quilômetros do Estádio Nacional

A derrota por 1 a 0 para o Grêmio, pelo Brasileirão, não desanimou o torcedor do Cruzeiro. Muito menos fez mudar os planos para uma grande festa em Santiago antes (durante e depois) do jogo contra a Universidad de Chile, na próxima quinta-feira, às 21h45, pela terceira rodada do Grupo 5 da Copa Libertadores. Um grupo de cruzeirenses já tem tudo organizado para realizar uma vigília em churrascaria no bairro de Bellavista, a cerca de 5km do Estádio Nacional, local da partida.

“O movimento segue para sua primeira edição internacional. O mesmo grupo que já se reuniu no Mineirão duas vezes está organizando no Chile esse evento. Estaremos numa cervejaria tradicional, realizando uma vigília para essa vitória, que será uma arrancada para o tricampeonato da Libertadores”, projeta Christiano Rocco, um dos organizadores do movimento. “A capacidade do local é para 120 pessoas e já temos reservas esgotadas. A notícia espalhou e todo mundo está consciente que precisando dar uma animada, uma melhorada no astral nessa Libertadores. Só no meu pessoal, são 61 pessoas no mesmo voo”, complementou.
A vigília começará ao meio-dia de quinta-feira, data do jogo, e vai até as 12h de sexta-feira, independentemente do resultado da partida, garante Rocco. “Como não pode beber na rua lá no Chile, por uma lei de segurança, a gente fechou a cervejeria. É um evento fechado, só de cruzeirenses. Começaremos às 12h de quinta-feira, vamos para o jogo à noite, e voltamos para a choperia para ficar até o meio-dia de sexta-feira. Vai ser comanda individual e vamos ratear a hora extra do segurança e de outros profissionais”, explicou o cruzeirense.
Rocco também liderou a organização das duas primeiras edições da vigília no Mineirão. A primeira delas aconteceu antes do título brasileiro de 2013. Em novembro daquele ano, a festa começou nas imediações do Mineirão às 21h do dia 9, 24 horas antes da partida contra o Grêmio, pela 33ª rodada. Então diretor de futebol do clube, Alexandre Mattos marcou presença no evento. Em 2017, a segunda vigília começou na véspera do duelo contra o Flamengo, na final da Copa do Brasil. “A gente sempre foi pé quente, garantimos o Brasileirão e a Copa do Brasil”, brincou.

O Cruzeiro ainda não venceu na Copa Libertadores. Na primeira rodada, foi derrotado pelo Racing por 4 a 2 na Argentina. Já no último duelo, não conseguiu sair do empate contra o Vasco, no Mineirão. O resultado positivo contra a Universidad do Chile, fora de casa, é fundamental para que a classificação para a próxima fase não fique cada vez mais distante.

Relembre em fotos a ‘vigília pelo penta’: 
Presidente e vice na festa?
Além dos mais de 100 cruzeirenses ‘comuns’, o evento em Santiago deverá receber presenças ilustres. Isso porque dois dirigentes já confirmaram presença. Wagner Pires de Sá, presidente do clube, e Hermínio Francisco Lemos, primeiro vice-presidente eleito em janeiro. “Além de torcedor, sou conselheiro do Cruzeiro. Alguns diretores já me confirmaram que estarão presentes. O presidente Wagner vai estar lá, o vice-presidente Hermínio Lemos também”, garantiu Rocco.
A vigília acontecerá na Cervejaria Kunstmann Kneipe, localizada na Rua Constituición, número 57, no bairro de Bellavista. O estabelecimento está ao lado do Shopping Bellavista e estará fechado para os cruzeirenses a partir das 12h do dia 19/04 até as 12h do dia 20/04.
Da redação:superesportes

Deixe uma resposta