O pré-julgamento

0
286

Você que é leitor (a) assíduo (a) da nossa Conversa Afiada e observador (a), recorda-se dos títulos: “Amizade não tem preço”, e “Estenda sua mão”, que foram dois temas enfocados nas últimas edições desse nosso bate papo semanal.

Como estamos em pleno mês natalino, quando nós precisamos do balanço de nossos atos praticados durante o ano, procurei a cada semana, levar até você leitor (a) a importância do momento de reflexão, para rever se injustiças foi cometida por nós com nosso próximo.

Você leitor (a) da nossa Conversa Afiada deve estar recordando quando falei “O preço de uma amizade”, a pergunta: Você dormiu com a consciência tranquila? Lembra-se?

Agora deve estar se perguntando: “A carapuça é para mim?”.

Calma, pare, pense e reflita: “Antes de emitir um julgamento, reavalie o seu ponto de vista”.

“Muitas vezes o primeiro olhar pode nos enganar”.

“Se uma foto pode causar certa confusão, imagine as muitas imagens de nosso cotidiano”.

“Os pré-julgamentos que somos levados a fazer, será que não acabamos sendo injustos em muitos momentos”?

Atente para a história abaixo:

– Um pai e seu filho de 24 anos viajavam de trem.

O rapaz olha pela janela e diz todo encabulado: Pai olha só, daqui é como se as árvores voassem para traz.

O pai sorri amoroso.

Um casal próximo troca olhares compassivos, devido ao comportamento infantil do rapaz.

Logo a seguir, o filho fala com um sorriso no rosto: Pai veja só isso, as nuvens estão nos seguindo.

Mais uma vez, o pai sorri.

Com licença, mas será que o senhor não deveria levar seu filho ao médico?

Diz uma voz vinda da direção do casal.

O pai sorri de bom humor e responde: Nós já fomos. E estamos voltando agora da clínica.

Meu filho nasceu cego e hoje ele ganhou de volta a visão.

Moral da história: “Antes de julgar alguém e colocar rótulos, você deveria primeiro conhecer sua história”.

Lembre-se que: “Julgar uma pessoa, não define quem ela é, define quem você é”.

 

Até a semana que vem se Deus quiser, e Ele há de querer.

Por Arnaldo Martins

Cebolinha

Colaborador Academia

 

Deixe uma resposta